sexta-feira, 13 de junho de 2008

Olhe ao redor e acredite que deslizei em você . Look away and believe that I slid in you




Ao emaranhar os fios de alta tensão percebi que deixei a boca escorregar até a minha.
(deixei a boca escorrer até a minha)

Caminho até a janela, admirando as linhas que existem cegas até que...

Um sol cor urina propaga neste momento.

Arrasto as palmas dos pés numa dança incessante na areia quente até que você entenda que estou digitando um código que só você lê!
Eu gritei que roubaria a ladra de corações colados.

É tudo excedido em meus líquidos acesos.
Por mais que eu fume, por mais que a chama não cesse, os insetos não deixam de irem contra o vidro apagado!

(digite o que quer ler aqui)

Ao Som de: On a Hill - Drif Effect e Glide – Stone Temple Pilot’s

3 comentários:

Má-rdy Bum disse...

Oii Júnior!
Gostei hein!
heheh

to super curiosa para os outros textos q vc me flw, mas por enquanto esse já foi otimo ^^

Gabriel disse...

Ae velho...
Escrevia muitos textos assim como esse há alguns anos.
Mas parei...
eu escrevendo coisa séria não dava muito certo, saía melancólico demais!!!
Ehehehe!!
Legais seus textos!

Abraço!!

tatiana reis disse...

gosto muito de toda a cena...
me veio dourado/areia mesmo.