domingo, 12 de dezembro de 2010

Cegas cerdas


Ei, você ouviu aquilo?
Aperto minhas veias no pulso e as sinto doer!
Você é a derrota que eu sempre procurei!
Estou comprando serras elétricas para fatiar suas cartas!
Começo a desenhar suas linhas recheadas de molho "verde muco de fumantes"!
Estou sempre certo de que o quão pode ser certo é a queda!
Estamos retornando a ponta das agulhas perecíveis e degradantes!
Consegui finalmente me despir do estresse que me traz ao trabalhar de animador de festas da terceira idade, fantasiado de coelho!
Com você posso ter sempre ao meu redor orgasmos vomitivos, daqueles que secam as areias lá fora!

Ela envia cartas a ela mesmo!Ela sai de casa as 2 horas da madrugada para comprar drogas!Ela retorna!Ela se despi!Ela se retira!Ela passa as mãos nos seios como se quizesse suga-los, ao redor ou entorno!Ela se masturba com pentes!Ela não tem orgasmos!Ela dói!Então ela se banha com iodo avermelhado!Ela sai para comprar pães!Ela retorna!Ela se penteia até seus pêlos caírem!Ela se cospe!Ela se envolve em plástico-bolha até sufocar sua vagina!Ela se masturba ouvindo uivos mudos de cães dentro dela mesmo!Ela escreve na janela o quão gosta dos dedos!Ela os corta!Ela os poda!Ela se costura!Ela se arranha até não mais repetir as palavras!Ela fala em braile através de sua pele!
Ela busca as saídas que as janelas não tem!Ela come pratos e ora por pratas!Porque nunca caminha em pedras de vidro laterais?

"Meu Deus a conceda a dor!A perdoe!A inale para dentro de ti, ó senhor!"


Estou sedado e emanando luz magenta para fora de mim!Não suporto mais só ver vidro, concreto,vidro,cortinas,vidro... Há um jogo em mim e eu quero ganhar!
Eu posso confiar quando você vem nua e me toma para você?
Vai, me sugue para dentro de você como uma lula marinha de aquários cheios de pus verde do lodo!

"...me lembro nitidamente daquele sonho aonde meu esconderijo era debaixo de uma mesa, aonde podia ouvir bombas ecoarem ao longe, aonde escondia meus medos entre minhas orelhas e segurava minha cabeça como se ela mesmo fosse explodir, e isso tudo era verdade dentro do vidro, era tudo o que eu podia ver cegamente em meus olhos, era tudo o que esta guerra macabra humana concede aos inocentes que morrem em vão e idolatram o nada como deus..."

E se estivesse escrito aqui o que você nunca pensou ou nunca teve coragem de escrever?
E se estivesse escrito aqui o que você nunca leu?

3 comentários:

flor disse...

Se surpreenderia.

Eu tava com saudade de ler coisas boas. =D

kisses.

Tatiane Lemos disse...

putz mto bom! forte... coisa boa! mas se não tivesse lido? n teria me imaginado de outra forma!!! como vc colocou essa caixa de música aqui.. .tentei diversas mas tds ruins!!! bjs

eliara disse...

vamos ver... ora sinto mulher nesse texto, mulher fora daí é mulher covarde, mulher que teme essa dor de ser esse texto.

amamos trazendo pra dentro de nós, literalmente... e ainda não somos mais fortes. Somos heroínas e é só.

Leio esse texto e tenho a impressão de ver uma imagem e infelizmente não é aquela ali em cima, uma outra... a imagem do texto dançando na minha cabeça, dançando com as minhas sensações...

Muito bom, 'man'.