sábado, 22 de novembro de 2008

Eu imagino que se...




Eu imagino a pílula dourar-se em um vão em meu cérebro!
Imagino carregar todas as tuas veias inaladas em papel machê(papel crepon
vermelho )!
Sustentar teu peso como algum cigarro que frequenta minha pele!

Corações de seda impecavelmente pecáveis!
Adornações de sangue ilustradas e polidas ao redor das aureolas mamárias!

Era tão belo imaginar tuas mãos espalhar o riso!

Como haveria um mundo e sol pesando sobre minha carne!
Oh curva que me exaltas, me deixe pertencer ao seu cubo intimo!
Oh dor que me alimentas, me deixe te trair beijando a morte!

Costurando tuas nuvens até que me sufoque as paredes brancas
e aonde estão os alvos pintados de branco em meu coração cor de creme!

Deixe me esperar a poluição alimentar meus ossos!
Sei de um amante que ama a amada até depois da morte,
a conservando empalicidamente bela em sua mente!

19 comentários:

Livia Queiroz disse...

Lindo esse poema...
adoreeeiii...

Brigadaum pelo comentário em meu blog...
Eu sou da Bahia...
Nasci em Salvador morei lá até os oito anos de idade depois mudei pra Camaçari, uma cidade bem proxima de Salvador


bjaum

Beatriz Paz disse...

Você faz um jogo com as palavras bem dificil de se encontrar em outros blogs. Muito bom!
Beijos, te adicionei :)

manoela disse...

hmmmmmmmm interessante este seu espaço, vou me deter nele algum tempo, ao longo dos tempos, bjoo

Erica Cristiane disse...

Estou feliz que esteja de volta querido, vou aproveitar e aprender a usar o tal negocio de seguir

haha

assim saberei quando estiver por aqui a devanear

beeeijo

☆☆Kαяℓiiทhα☆☆ disse...

Oi...
Adorei tua visita em meu blog!
Pode add ele aí...pois tbm irei ad² o seu!!

Amei a forma como vc se expressa...o blog é incrível!!


Bjux

Docinho disse...

obrigada pela visita ;)
interessante teu blog
irei acompanha-lo

bjkas

Docinho disse...

não é????
eu tb sou um pouco curiosa
aii adorei entrar pra blogosfera..eh bem interessante a vida alheia
fique a vontade
;)


bjkas

Emilie Dwytan disse...

Havia salvo seu blog na barra "meus favoritos" porque não tive tempo de ler antes...e ainda pouco li seu perfil...bem, como posso dizer.."interessante?instigante?".

Adorei o poema. é um pouco confuso,mas adorei as figuras que usaste^^

Beijos
da invasora
Su

Zíngara disse...

Bonito, mas me peguei olhando a imagem infinitamente... Ela sintetiza tuas palavras.

Beijos,
Zin

o casalqseama* disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
o casalqseama* disse...

encantas as palavras para que elas bailem o teu sentido!


gostei da tua linguagem.
blog show. tá linkado!

bjs da fê =D

Carolina disse...

Achei lindo. Bem Lord Byron. x)

Carolina disse...

O meu fotolog você já conhece x) (www.fotolog.com/chewchewbaby)
O meu Orkut você ainda não tem, mas a gente pode resolver isso ^^~
E hmm, eu sou de Goiânia. :)

Adiciona aí: http://www.orkut.com.br/Main#Profile.aspx?uid=6010396779439487831

:*

o casalqseama* disse...

oi, júnior!
sou eu na foto, sim! que bom que gostou... rsrs

quanto ao comentário do post, sobre o namorado ciumento que tive, fico feliz em saber que um pouco da nossa vida serve como algo de bom pra outras pessoas.

nesse caso, a gente tem que se valorizar mesmo, afinal, para amarmos os outros, temos que nos amar primeiro, não é?!

bj grande da fê =D

Emilie disse...

será que eu já agradeci por ser um dos que acompanham meu blog?

obrigada^^

Fernanda! disse...

Lindo texto, perfeito nas palavras!

Volto com mais tempo pra te ler.

Paz e luz!

Bjos!

MELISSA S disse...

Eba, adoro poesia!!! Vamos nos ler então!! Claro que pode acompanhar meu blog, será um prazer! Beijos

Docinho disse...

oieeee
siiiiim
essa foto sou eu...
ela tem 1 ano..um ex meu tirou ela

bjkas

Fire disse...

Belíssima a contradição das palavras levando a um sentido único *-*

Obrigada pelo comentário no meu blog *-*
Claro que pode acompanhar ^^. Fico lisonjeada =)
Também estou linkando o seu pra acompanhar sempre =D

;***